BAHIA AQUI É TRABALHO 0420
Sem Prejuízo

Diretoria do Bahia de Feira tranquiliza atletas e comissão técnica

O presidente do Bahia de Feira, se pronunciou através da rede social do clube para informar que não haverá prejuízos financeiros por conta da quarentena
2020-03-25 15:33:06
Da Redação
Crédito: Reprodução
Crédito: Reprodução
CORONAVIRUS

Com a paralisação do Campeonato Baiano 2020, por conta da pandemia do novo Coronavírus, todos os clubes que disputam a competição foram obrigados a suspender suas atividades. Contudo, umas das maiores preocupações por parte dos atletas, comissão técnica e funcionários sem dúvida é com relação ao futuro.

 

E para tranquilizar todos os membros da equipe que na manhã desta quarta-feira (25), o presidente do Bahia de Feira, Jodilton Souza se pronunciou através da rede social do clube para informar que não haverá prejuízos financeiros por conta da quarentena.

 

“Temos hoje um modelo de gestão administrativa exemplar. E por conta disso, atletas, comissão técnica e demais funcionários não ficarão prejudicados devido a paralisação da competição. Estamos encarando uma situação atípica que está vivendo o estado, país e o mundo, mas temos um compromisso com nossos atletas, a nossa equipe tem contrato conosco há mais de dois anos e nós vamos honrar esses contratos nas formas dos pagamentos que foram definidos. Não só os atletas profissionais como a comissão técnica e todo nosso corpo administrativo”, disse.

 

Futuro

 

“Hoje estamos ao lado da Federação Bahiana de Futebol, temos a certeza de que qualquer definição que venha ter no futuro será para benefício e nós iremos acatar. Os nossos atletas estão hoje em casa, mas todos estão individualmente treinando se preparando e aguardando o futuro para que a gente possa retomar as atividades”, ressaltou.

 

O presidente Jodilton Souza ainda falou a respeito das parcerias. “Com relação aos nossos patrocínios, nós estamos tranquilos porque são empresas do grupo. E os demais patrocinadores tem honrado com os compromissos pela certeza que a dificuldade é geral e que nós precisamos dessas cotas para deixar em ordem nosso planejamento. Vamos aguardar o futuro e esperar que logo possa encontrar uma solução, e qualquer definição que a Federação e a CBF venham tomar nós estamos preparados para acatar”, finalizou.

Comentários

Tacitus Tecnologia
PMFS Coronavirus