Após escândalo, ACM Neto exonera prima de Geddel

Fabiana Vieira Lima Correia deixou a gerência operacional de uma unidade de saúde em Nazaré
2017-09-11 12:58:06
bahia.ba
 Reprodução / Facebook

Após a Polícia Federal (PF) encontrar malas de dinheiro em um apartamento ligado a Geddel Vieira Lima (PMDB) – o que motivou sua prisão pela segunda vez na última sexta-feira (8) –, o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), exonerou da gestão uma prima de primeiro grau do ex-ministro dos governos Lula e Temer.

 

Conforme publicado no Diário Oficial do Município (DOM), Fabiana Vieira Lima Correia deixou a gerência operacional da Unidade de Saúde do Serviço Municipal de Atenção Especial (Simae) São Francisco, do Distrito Sanitário Centro Histórico, localizado na Rua do Carro, no bairro de Nazaré.

 

Fabiana recebia R$ 3,7 mil mensais no cargo. Em seu lugar, entrou Dinsjani Pereira dos Santos, ex-presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de Salvador (CMDCA).

 

Neto declarou nesta segunda-feira (11) que promoveria outras mudanças na sua equipe, após exonerar do comando da Defesa Civil Gustavo Ferraz, preso com Geddel.

Comentários

Tacitus Tecnologia
PMFS 184 anos