Com seca, nível de barragem na BA chega a 6,66%

Mesmo liberando menos água, com redução da vazão, expectativa é que barragem chegue ao volume morto em outubro.
2017-09-11 16:54:14
G1 | BA
Reprodução/ TV São Francisco

O nível da barragem de Sobradinho, localizado na região norte da Bahia, está em 6,66%, bem próximo do volume morto, e preocupa produtores rurais e pescadores da região. A vazão na barragem do maior lago artificial do Nordeste é a menor da história.


Em julho, a Agência Nacional das Águas (ANA) autorizou que a Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf) reduzisse a vazão mínima da barragem para 550 m³. Antes disso, a última redução, para 600 m³, em 29 de maio deste ano, já tinha sido o menor índice desde que o reservatório começou a operar, em 1979.


Mesmo liberando menos água, Sobradinho pode chegar ao volume morto em outubro. Há aproximadamente 4 km do lago artificial, o nível da água atinge atualmente uma altura que fica abaixo do joelho de uma pessoa adulta. Antes, quando a vazão estava em 13.00 m³ por segundo, a área era navegável.


Pescador há 20 anos na região, Adolfo Pinheiro conta que os peixes sumiram. "Hoje em dia a gente vê o rio do jeito que está, seco, sem poder navegar. Nem a gente pode navegar e nem os peixes podem estar num lugar seco desse", lamenta.

 


No povoado de Correnteza, em Sobradinho, o agricultor Avelar Pinto diz que está diante de um cenário que nunca viu. Por causa do período de estiagem e da pouca água no Rio São Francisco, o agricultor conta que teve que reduzir a irrigação da área onde cria pés de manga.


Ele diz que fazia a irrigação do terreno duas vezes por semana, mas agora faz somente uma vez. "As flores começam a cair e ela não cresce tanto. Diminui no peso e, por conta disso, a produção diminui totalmente", destaca. Só há previsão de chuva forte na região no final do mês de outubro.

Comentários

Tacitus Tecnologia
PMFS RUA VIVA