PMFS Som Alto

Mais de 300 cirurgias ortopédicas realizadas até agosto

A secretária de Saúde, Denise Mascarenhas, considera que esse é número expressivo diante do déficit no volume de recursos que estão sendo repassados pela União para o Governo Municipal
2017-10-09 18:25:33
Secom/PMFS
Crédito: Reprodução

A Prefeitura de Feira de Santana realizou, através da Secretaria Municipal de Saúde, de janeiro a agosto deste ano, 333 cirurgias ortopédicas. Os procedimentos de média complexidade, que são de competência do Município, foram realizados nas unidades prestadoras.

 

A secretária de Saúde, Denise Mascarenhas, considera que esse é número expressivo diante do déficit no volume de recursos que estão sendo repassados pela União para o Governo Municipal.

 

“Mesmo diante das dificuldades por conta do repasse, a Prefeitura tem cumprido a sua responsabilidade junto a população no que diz respeito a realização de cirurgias ortopédicas de média complexidade”, afirma.

 

De acordo com Denise Mascarenhas, o valor do recurso repassado pela União (R$ 94 mil mensais) não cobre as despesas com o total dos procedimentos cirúrgicos realizados, o que gera um déficit anual estimado de R$ 4 milhões. Ela destaca que, somente no ano passado, foram realizadas 646 cirurgias ortopédicas, através da SMS.

 

Hospitais credenciados

 

A rede de ortopedia em Feira de Santana é composta por seis hospitais e clínicas, sendo eles Casa de Saúde Santana, Cliort (Clínica Ortopédica e Traumatologia); HTO (Hospital de Traumato e Ortopedia); HORT (Clínica de Fisioterapia, Ortopedia e Traumatologia); Hospital Dom Pedro de Alcântara e o Hospital Geral Clériston Andrade.

 

As cirurgias da competência do Município são de fraturas fechadas normais, com uso de placa, pino, etc. O único hospital credenciado em alta complexidade em ortopedia, pelo Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde, é o Hospital Estadual da Criança.

Comentários

Tacitus Tecnologia