PMFS Natal 2

Programa Empreender apresenta balanço das ações em 2017

Dirigentes do SEBRAE e Faceb comandaram o evento de apresentação que aconteceu em um restaurante da cidade
2017-12-06 09:30:07
Da Redação
Crédito: Mário Sepúlveda/FE

Para comemorar os resultados positivos na execução do Programa Empreender Para Crescer em 2017, a Federação das Associações Comerciais do Estado da Bahia (Faceb) realizou ontem um encontro de integração entre os empresários participantes e o reconhecimento das Associações Comerciais que se destacaram ao longo deste ano na condução do programa. O encontro, que contou com a participação do superintendente estadual do SEBRAE, Jorge Khoury, teve como objetivo fazer um balanço das ações desenvolvidas durante o ano, bem como traçar as perspectivas para 2018. 

 

O Empreender é um programa da CACB, em parceria com o SEBRAE, que visa o fortalecimento da micro e pequena empresa ao reunir empresários de um mesmo município nos chamados núcleos setoriais. Neles, os empresários discutem seus problemas e buscam soluções conjuntas com apoio de um profissional vinculado à entidade empresarial.

 

O programa funciona no Brasil há mais de 20 anos, tendo atendido aproximadamente 70 mil empresas em todas as unidades federativas, e já foi premiado internacionalmente como um dos melhores projetos para o desenvolvimento de micro e pequenas empresas, pelo ICC (International Chambers of Commerce), em Paris. O que reflete com fidelidade o espírito do Programa é a forma de associativismo que ele propõe. Por ela, ninguém é obrigado a participar de um núcleo setorial. O convencimento vem pela nova visão de parceria, na qual o concorrente, longe de ser um competidor, é um cooperador de seu concorrente. E ainda com um diferencial: todos ganham.


Cloves Cedraz, presidente da Faceb, se mostrou satisfeito com os resultados apresentados. "A situação do Brasil não está fácil e a saída é justamente se buscar as alternativas para driblar a crise. Nesse sentido os resultados apresentados foram bons, porque mesmo no momento de dificuldade, as pessoas ainda encontram vontade para buscar a mudança e quando se parte para este lado realmente se criam perspectivas excelentes um futuro mais próximo", disse.


O superintendente Jorge Khoury, também se mostrou satisfeito com os resultados apresentados. "Eu não tenho duvidas de que o SEBRAE a nível nacional tem feito um grande trabalho, estou seguro que a micro e pequena empresa no nosso país é a responsável pelo grosso da nossa economia e aqui nos municípios da Bahia isso é muito mias forte. O SEBRAE ele pode fazer muito mais tendo uma parceria com os governos municipais, se estivemos juntos vamos fazer mais, com menos custo e melhor. A Sala do Empreendedor eu diria que é o carro-chefe desse projeto, que buscar exatamente botar em prática a Lei Geral, fazer com que ela não fique só no papel", relatou.  

Comentários

Tacitus Tecnologia