PMFS

Policia desarticula quadrilha suspeita de estelionato e receptação

Aparelhos de ar condicionado de carga roubada eram vendidos em loja de Feira de Santana
2018-05-09 20:24:32
Com informações do Polícia é Viola
Crédito: Reprodução

Policiais da Delegacia de Furtos e Roubos em Rodovias (DECARGA), com apoio de policiais da 1ª Coordenadoria e do Departamento de Investigações sobre Crime Contra o Patrimônio (DCCP) de São Paulo, desarticularam uma quadrilha de suspeita de estelionato e receptação de cargas roubadas. Os integrantes foram identificados como Carlos José do Bonfim Filho, conhecido mais como “Carlinhos”, além de outros suspeitos, conhecidos apenas por apelidos e pré-nome: Zeu, Daniel e Barão.


O delegado Gustavo Coutinho disse que na tarde da última terça-feira (8), realizou uma operação visando desarticular uma importante quadrilha de estelionatários e receptadores de carga roubada em Feira de Santana. “Após a descoberta pelo DCCP de parte de uma carga roubada de ar condicionados, que estava sendo comercializado em uma loja, localizada na Rua Castro Alves, em Feira de Santana, uma equipe da DECARGA se deslocou e confirmou a veracidade da informação, constatando que alguns aparelhos pertenciam a um lote roubado no início do ano na cidade de São Paulo”.


Gustavo ainda frisou: “Após a prisão do responsável pela referida loja, identificado por Carlos José do Bonfim Filho, conhecido por “Carlinhos”, o mesmo acabou confessando que realmente havia adquirido parte da carga em mãos de um criminoso da cidade de Itabuna, conhecido por “Zeu”, indicando também outro estelionatário de nome Daniel que fazia parte do esquema. Carlinhos admitiu ter adquirido cerca de 300 aparelhos de ar condicionado durante os últimos 6 meses, além de televisores, celulares e diversos eletrônicos roubados”, explicou o delegado.


Ainda de acordo com as investigações, parte da carga estava escondida numa residência vazia, de propriedade de Carlos José, em um condomínio no bairro Papagaio e outra parte estava na casa de um dos seus funcionários, conhecido por “Barão”, o qual também foi preso em flagrante. “Carlinhos e seu funcionário buscavam os aparelhos em Itabuna com o caminhão da empresa e traziam para serem comercializados em Feira de Santana”.


“O estelionatário conhecido por Zeu, da cidade de Itabuna é bastante conhecido por sua riqueza, possuindo uma mansão e diversos automóveis de luxo, incluindo uma Ferrari, tudo fruto do desvio de cargas de eletrônicos e ar condicionados. Só em um dos seus golpes, investigado pelo DCCP, foram subtraídos mais de 500 aparelhos de ar condicionado portátil, avaliados em mais de R$ 710.000. O referido estelionatário, não foi encontrado, mas sinalizou que vai se apresentar com seu advogado a fim de ser interrogado”, indagou Coutinho.


A Delegacia de Cargas de Feira de Santana efetuou a prisão de Carlos José do Bonfim Filho autuando o mesmo pelo crime de receptação qualificada e encaminhando para a audiência de custódia tendo seu funcionário sido autuado por receptação simples, o qual após pagamento de fiança responderá em liberdade.


“Vale salientar que Carlinhos tinha uma vida de luxo e era um dos comerciantes que mais vendia aparelhos de ar condicionado na cidade, fazendo uma concorrência desleal com os demais comerciantes, pois comercializava abaixo do preço de marcado. O mesmo já havia vendido cerca de 200 aparelhos em Feira de Santana, os quais, após confirmação pelo serial do lote desviado, poderão ser apreendidos nas residências de alguns consumidores. A investigação continua para a identificação de todos os envolvidos nesse esquema milionário”, finalizou o delegado.

Comentários

Tacitus Tecnologia