PMFS Vacinação Antirrábica

Do play-off da Eliminatória a final da Copa: deu Croácia

Croácia e Inglaterra fazem ótimo jogo, levam para prorrogação, e vitória acaba com os croatas em gol de Mandzukic
2018-07-11 18:12:07
Onefootball
Crédito: Reprodução

Antes de ser palco da final, o Luzhniki Stadium recebeu a semifinal entre Croácia e Inglaterra. Em um jogo de tempos distintos, a vaga ficou em aberto até os minutos finais.


Primeiro tempo


Mal deu tempo de se acomodar nas cadeiras do Luzhniki, e a Inglaterra já tinha aberto o placar num belíssimo gol de Trippier, acertando um chute de falta de rara felicidade. Um chute, um gol para os britânicos.


Apesar do gol sofrido, os croatas faziam um bom jogo. Aos 15 minutos a posse de bola era maior (54% x 46%), e também era superior o número de bolas recuperadas (3 x 1).


Aos 18 minutos, a Croácia levou perigo pela primeira vez com um chute de Perisic, que foi desviado para escanteio, mas o árbitro marcou somente tiro de meta.


O primeiro tempo acabou com muito equilíbrio. Foram quatro chances criadas de ambos os lados, e uma leve superioridade croata na posse de bola.


Segundo tempo


A etapa complementar começou com domínio croata, que pressionou atrás do gol de empate. O zero, porém, insistia em permanecer no placar, e a posse de bola não se convertia em chances claras de gol.


Aos 20 minutos, a bola sobra na entrada da área para Perisic, que arrisca de primeira mas chute fica na zaga e não chega ao gol. Mas aos 25, o jogador não perdoou: após belo cruzamento da direita, o camisa 4 se adiantou aos zagueiros e empurrou para o fundo do gol. Um a um no placar.


Com o empate, a Croácia seguiu apertando, e aos 25 quase conseguiu a virada. Em uma besteira da zaga inglesa, a bola sobrou novamente para Perisic, que limpou o defensor e colocou na trave.


Pressionada, zaga inglesa mostrou fragilidade em diversos momentos. Até mesmo o bom goleiro Pickford se mostrou nervoso, quando pressionado.


Prorrogação


Vindo de duas prorrogações seguidas, a Croácia chegou com o time exausto. Apesar disso, Zlatko Dalic fez a primeira mudança somente no início da prorrogação, com a entrada de Pivaric no lugar de Strinic.


Talvez pelo cansaço, a Inglaterra conseguiu equilibrar a partida e começou o primeiro tempo melhor e com mais posse de bola. Mas não demorou até os croatas recuperarem a supremacia na partida, até que aos 15 minutos, Mandzukic quase consegue a virada, mas Pickford fez bela defesa garantindo a igualdade no placar.


Mas em nova chance, o camisa 17 croata não perdoou: após bola que sobrou na entrada da pequena área o atacante estava mais esperto que a zaga e não deu chances ao goleiro. Bola no canto esquerdo do guarda-redes e Croácia na final da Copa do Mundo, pela primeira vez na história.

Comentários

Tacitus Tecnologia