Desenbahia 2

Flu de Feira deve ter time mais barato e competitivo

Faltam poucos ajustes para que o elenco fique pronto para o começo dos trabalhos no próximo mês de dezembro
2018-11-05 14:27:33
Da Redação
Crédito: Cristiano Alves/FE

O Fluminense de Feira deve ter um time mais barato em 2019 por não contar com recursos oriundos da Copa do Brasil e Copa do Nordeste. Mesmo tendo este desfalque nas finanças, a diretoria está se esforçando para que o time venha para brigar de igual para igual com os adversários, tanto no Campeonato Baiano e Campeonato Brasileiro da Série D.


O gerente de futebol do Fluminense, Erivaldo Domício, confirmou que faltam poucos ajustes para que o elenco fique pronto para o começo dos trabalhos no próximo mês de dezembro. “O grupo está sendo montado, pode ser considerado mais forte do que o desse ano por conta das contratações que estão sendo feitas. Estamos sendo mais cautelosos ainda e muito vigilantes no tocante a situação dos atletas para que tenhamos um time competitivo com condições de representar bem a cidade nas competições que disputar”, afirmou.


Do grupo que disputou a temporada 2018, estão confirmados os goleiros Deola e Shurek; os zagueiros Marcelo, Rafael e Eduardo; o lateral-direito Edson; os volantes Rodolpho e Mourelândia e Diego Aragão, além dos atacantes Deysinho, Levi e Bambam. Os dirigentes confirmaram o retorno do zagueiro Alysson e as contratações do meia Juninho Tardeli e dos atacantes Vitinho, Tiarinha e Reinaldo Alagoano.


O valor da folha de pagamento ainda não está fechado e por conta disso, os dirigentes preferem não divulgar. “Tudo o que posso dizer é que a folha sofrerá adequações, mesmo porque este ano não contaremos com recursos da Copa do Brasil e Copa do Nordeste. É uma perda significativa, mas nem por isso, os dirigentes deixaram de se esforçar para trazer jogadores de qualidade”, disse Domício. “A folha deve ser inferior em termos de valores, mas acredito que o time será muito competitivo e vai brigar de igual para igual com os concorrentes”, complementou.


Outra situação que antes não acontecia era a regularização antecipada dos atletas, sendo que a maior parte deles já está registrada no Boletim Informativo Diário da CBF. “Estamos ‘segurando’ os atletas até mesmo para evitar que outros clubes atravessem o Fluminense, até porque nesse momento é grande a corrida para se contratar jogadores e os de boa qualidade não ficam muito tempo disponíveis no mercado. Por isso estamos utilizando este expediente”, explicou Erivaldo Domício.


Três contratações são prioridade no Fluminense no momento: um lateral-esquerdo, um meia de aproximação e mais um atacante que jogue pelos lados do campo. Os dirigentes estão se esforçando para que logo estas aquisições sejam concretizadas e assim o time chegue para pré-temporada com o elenco basicamente fechado. 

Comentários

Tacitus Tecnologia
PMFS Tv digital