Bahia Aqui é Trabalho 2019
Cooperação

Reunião elaborará termo para gestão do CIS

A reunião que acontece no próximo sábado (13), é para tratar o termo de cooperação que deverá ser formatado sobre a participação das entidades na gestão e parceria que será feita com o CIS
2019-07-10 09:51:06
Da Redação
Crédito: Gleidson Santos/FE
Crédito: Gleidson Santos/FE

Buscando ter participação na gestão do Centro Industrial Subaé (CIS), entidades de Feira de Santana se reunirão para elaboração de um termo de cooperação, que será apresentado ao vice-governador e secretário, João Leão. A reunião acontece no próximo sábado (13), com representantes dos setores produtivos de Feira de Santana - da Indústria e do Comércio.


Segundo Cloves Cedraz, presidente das Federação das Associações Comerciais do Estado da Bahia (FACEB), a reunião que acontece no próximo sábado (13), é para tratar o termo de cooperação que deverá ser formatado sobre a participação das entidades na gestão e parceria que será feita com o CIS. “Será apresentado o termo de cooperação para que as entidades assumam a gestão do CIS. A proposta surgiu através de que pudesse ser feito esse termo entre as entidades empresariais e o Governo do Estado para que as entidades assumissem o papel de gestora do CIS”, explica o gestor.


Anteriormente foi feito uma reunião para analisar o que estava sendo feito com o CIS. “Até então não interessava as entidades em Feira, mas o que queremos agora é exatamente estruturar. Então nós queríamos saber qual o pensamento do Estado com relação ao CIS e até então seria o fechamento do órgão, o que não interessava a Feira de Santana, porque só deixaríamos de ter o órgão captador de empreendimentos na cidade”, afirma Cedraz.


O presidente da FACEB conta que com essa integração de gestão, as vantagens para o Centro Industrial de Feira, serão inúmeras. “Hoje, quando uma indústria procura o Estado, a gente não tem o que fazer. No passado nós não tivemos uma série de empresas em Feira de Santana por falta de interesse e poder por parte do órgão daqui. Se você tem um órgão com autonomia para fazer o que tem que ser feito, as empresas virão para Feira”, fala Cedraz sobre a iniciativa que poderá fomentar a vinda de industrias a Feira de Santana.


Participarão da reunião a Associação Comercial de Feira de Santana; o Centro das Industrias de Feira de Santana, a Câmara de Dirigentes Legistas, membros de CIS e o deputado Zé Neto.

Comentários

Tacitus Tecnologia
PMFS vacina sarampo