Arte no corpo

Tatuagem deixa de ser tabu e ganha popularidade

Tatuador Koala: ‘hoje com todo o avanço tecnológico e cultural, a gente vem conseguindo fazer coisas incríveis’
2019-08-12 06:48:31
Da Redação
Crédito: Divulgação
Crédito: Divulgação

A prática de marcar o corpo é tão antiga quanto a própria humanidade. Desde os primórdios a tatuagem atravessou séculos e acompanhou gerações com diversas finalidades, sendo utilizada como ritual de tribos indígenas, identificou povos, ganhou evidência com os marinheiros e também se marginalizou entre presidiários. Hoje está em várias partes do corpo, de todas as cores e tamanhos.

 

A técnica evoluiu bastante, hoje em dia são muitas as novas técnicas de tatuagem disponíveis no mercado, aquarela, realismo (3D) entre outras. Elas ultrapassaram as barreiras do preconceito, transformando o corpo em arte e poesia por meio de traços que exprimem identidade, sentimentos e ideologias. Enfim, os desenhos eternizados na pele se tornaram uma forma de expressão.

 

Segundo o tatuador Rodrigo Moreira de Carvalho, conhecido popularmente por Koala, o preconceito com tatuagem acabou. “Antes tinha menos recurso, pouca informação, menos acesso a respeito de estilo de pinturas e novas técnicas. As tatuagens eram limitadas e os desenhos também. Hoje com todo o avanço tecnológico e cultural, a gente vem conseguindo fazer coisas incríveis que as pessoas ficam admiradas. Não tem como olhar de outra forma que não seja admirando uma arte”, avaliou.

 

O tatuador disse ainda que os artistas estão melhores e mais bem preparados. “O estilo realismo é uma nova técnica que nada mais é que traduzir imagens reais e reproduzir com perfeição as imagens. Você ver na pele uma imagem que olha e fica admirado com tamanha perfeição dos detalhes. Realismo é a reprodução do que é real. Trabalho com realismo colorido em preto e branco há muitos anos”, ressaltou.

 

Koala acreditada que a diminuição do preconceito é um dos fatores que justificam a crescente procura por tatuagens. “Os desenhos pelo corpo já não assustam tanto como antes. Como a gente conseguiu elevar o nível da tatuagem, colocar no patamar bacana, com boa estrutura no estúdio, com bons trabalhos e bom atendimento, transformando numa empresa de tatuagem séria de verdade. As pessoas passaram a procurar mais, e a procura pelo procedimento cada ano é maior, tanto que temos uma equipe gigante. Por conta disso, não temos um público definido, atendemos a todas as idades”, conta. 

 

Como é feito o processo de confecção

 

Os materiais utilizados para fazer uma tatuagem é basicamente tinta, máquina e agulha. A principal dica antes de fazer uma tatuagem é escolher um estúdio credenciado, com alvará de funcionamento emitido pela Vigilância Sanitária e que siga as normativas da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Buscar referências, prezar pela originalidade, ter em mente o desenho, evitar as tatuagens da moda, iniciais ou nomes de companheiros e trocar informações com o tatuador.

 

 

Depois da tatuagem também é importante seguir corretamente as orientações de higiene e cuidados no período de cicatrização. Evite exposição ao sol, banho de mar ou de piscina. Use sempre hidratante corporal na região tatuada e utilize protetor solar. “É um dever de todo tatuador direcionar o seu cliente a fazer uma arte que terá maior visibilidade e durabilidade”, informou Koala. Ele disse ainda que sempre procura deixar a sua marca nos trabalhos. “Como estudo bastante a pele, minhas recomendações após fazer uma tatuagem é hidratar três vezes ao dia, nada de sol e ser feliz”, relatou o tatuador.

 

Para Koala, tatuagem pode ser um procedimento seguro e pode não ser, vai depender do profissional que você procurar. “Os critérios para escolher um bom profissional é o boca a boca, isso facilita bastante, as pessoas falarem bem do profissional. Você deve procurar um estúdio que tenha alvará da Vigilância Sanitária, saber também se todos os materiais são descartáveis ou esterilizados e ver o estilo que o tatuador faz. Procurem um bom profissional, saber o que ele faz, se combina com o que você está planejando e sucesso com a sua nova tattoo”.

 

Koala finalizou dizendo que é otimista com o futuro da profissão. “Se pensar na profissão há dez anos que não se via o que se vê hoje, com certeza só está engatinhado para crescer ainda mais. Minha visão como tatuador é: tatuagem vinte e quatro horas, todos os dias até o final da vida”.

Comentários

Tacitus Tecnologia