Bahia Aqui é Trabalho 2019
Feira de Santana

Frota de ônibus com alerta sobre combate ao câncer

Em alusão ao Outubro Rosa e ao Novembro Azul, a ação vai percorrer por 40 cidades
2019-10-08 13:38:23
Da Redação
Crédito: Divulgação
Crédito: Divulgação

Com o tema “Duas lutas, um só objetivo”, a empresa Santana, que realiza transporte intermunicipal entre Feira, Salvador e outras cidades brasileiras, plotou ônibus nas cores rosa e azul. A campanha tem o objetivo de incentivar à prevenção ao câncer de mama e próstata.


De acordo com o superintendente da empresa Santana, Glauber Araújo, em alusão ao Outubro Rosa e ao Novembro Azul, a ação vai percorrer por 40 cidades. “Anualmente nós realizamos uma campanha de incentivo a estas duas grandes causas. Unindo forças e levando a informação, este ano, nós plotamos um ônibus, com as duas cores, que percorrerá por 40 cidades da nossa Bahia”, disse.


“O câncer é a doença que causa mais mortes em todo Brasil e através de um exame, de um diagnóstico precoce, muitas vidas podem ser salvas. Vamos seguir com está ação até o final do mês de novembro”, completou.


Câncer de mama


O câncer de mama é o tipo da doença mais comum entre as mulheres no mundo e no Brasil, correspondendo a 29% de novos casos a cada ano. Alguns tipos têm desenvolvimento rápido, enquanto outros crescem mais lentamente.


Esses comportamentos distintos se devem a características próprias de cada tumor. Cerca de 30% dos casos de câncer de mama podem ser evitados com a adoção de hábitos saudáveis como: praticar atividade física alimentar-se de forma saudável manter o peso corporal adequado, evitar o consumo de bebidas alcoólicas ao amamentar.


Todas as mulheres, independentemente da idade, devem ser estimuladas a conhecer seu corpo para saber o que é e o que não é normal em suas mamas. A maior parte dos cânceres de mama é descoberta pelas próprias mulheres.


Câncer de próstata


No Brasil, o câncer de próstata é o segundo mais comum entre os homens (atrás apenas do câncer de pele não-melanoma). Em valores absolutos e considerando ambos os sexos, é o segundo tipo mais comum. A taxa de incidência é maior nos países desenvolvidos em comparação aos países em desenvolvimento.


Alguns desses tumores podem crescer de forma rápida, espalhando-se para outros órgãos e podendo levar à morte. A maioria, porém, cresce de forma tão lenta (leva cerca de 15 anos para atingir 1 cm³) que não chega a dar sinais durante a vida e nem a ameaçar a saúde do homem.

Comentários

Tacitus Tecnologia